Melhor saneamento e higiene

Nossos sistemas de esgoto desatualizados estão sobrecarregados pela urbanização e pelo crescimento populacional, colocando em risco nossa saúde e segurança

Nossas cidades precisam de soluções duradouras para saneamento com menos vazamentos, menos entupimentos e melhor monitoramento dos riscos à saúde. Nosso futuro depende disto.

Nossa perspectiva

Não há mais negócios como de costume

O projeto e o conserto de esgotos tendem a ser tradicionais e reacionários. E, com os custos combinados de investimentos massivos e interrupções na infraestrutura da cidade, é compreensível. Ainda assim, não podemos continuar usando as mesmas soluções de curto prazo. É necessário um novo pensamento.

Dores de cabeça modernas

A urbanização está causando aumento da pressão em nossos sistemas de esgoto com lenços umedecidos, alternativas de papel higiênico e outros itens não projetados para esgoto sendo descarregados no vaso sanitário. Esses itens, junto com bolas gigantes de óleo e graxa, estão entupindo nossos esgotos e causando o mau funcionamento de bombas e peças móveis. O melhor uso de tecnologias, como monitoramento e manutenção preditiva, pode prevenir melhor os bloqueios.

Vamos dar uma nova vida aos nossos esgotos

A idade geral de nossos sistemas de esgoto adiciona um risco adicional de contaminação de nossas águas subterrâneas devido a vazamentos e corrosão de canos. Tornando a correção econômica uma tarefa enorme. Aqui, uma alternativa mais duradoura à tubulação tradicional é necessária.

As novas soluções de plástico são mais flexíveis e menos propensas a quebrar e a vazar – ao mesmo tempo que têm a capacidade de ser moldadas e dobradas para caber dentro de canos existentes sem escavar áreas inteiras de uma cidade. Mas mudar a mentalidade tradicional sobre tubos requer uma mudança entre muitas partes interessadas. Para construir a próxima geração de esgotos, precisamos mudar nossas políticas e percepções negativas em relação aos plásticos e fornecer uma maior compreensão de onde os plásticos podem oferecer melhor valor por meio de educação e recursos aprimorados.     

As pessoas que fazem acontecer

Pessoas com visão de futuro, como Ariel Stern, CEO e cofundador da Ayyeka Technologies em Israel, oferecem soluções de monitoramento remoto e IoT de última geração que permitem a criação de redes de infraestrutura cibernéticas e inteligentes – para ajudar a mitigar desafios como o gerenciamento de águas residuais.

“Crítico para a prevenção de riscos de saúde e segurança pública, o gerenciamento inteligente de águas residuais em tempo real inclui o monitoramento dos níveis de água para evitar custos com poluição e transbordamento de esgoto, identificando a presença de gases corrosivos antes que danifiquem a infraestrutura, identificando falhas de bomba e identificando outras emergências em estações elevatórias e em outros lugares.”

Leia o artigo completo aqui